Pesquisa do LinkedIn revela que gestão de mídias sociais é a profissão de 2020

Entre as 15 profissões que estão em alta para 2020, gestão de mídias sociais lidera a lista. Segundo o levantamento da rede social de negócios LinkedIn, a procura pela ocupação cresceu em média 122% ao ano entre 2015 e 2019. O cargo de assistente de mídias sociais também entrou no rol, com alta anual de 60%.

“As mídias sociais promovem uma comunicação indispensável entre empresa e público. O trabalho de um profissional da área é crucial para que o diálogo seja assertivo. Com isso, surge uma procura maior por bons gestores de mídias sociais”, explica a professora de marketing digital do Centro Universitário Internacional Uninter, Maria Carolina Avis.

A profissão surgiu com a popularização das redes sociais, o que aconteceu com maior intensidade nos anos 2010. Por isso, não há uma “receita” de como se capacitar para atuar na área. Para Avis, a melhor opção é fazer um curso superior de Marketing Digital ou Comunicação.

“Aprender a parte operacional não basta. É preciso ter habilidades de marketing, comunicação, publicidade e planejamento estratégico”, salienta a professora. Os cursos livres são considerados complementos à formação, já que são mais voltados para a parte técnica.

Para os profissionais que estão começando na área, uma boa forma de conseguir experiência é a partir de trabalhos voluntários. Assim como o setor privado, organizações beneficentes estão apostando nas redes para prosperar. “Mesmo sendo um ofício novo, exige experiência prática para desenvolver habilidades de comunicação interpessoal, escrita clara, criatividade e organização”, defende.

Além das profissões ligadas a mídias sociais, a lista conta com seis outras ocupações na área de tecnologia e computação – engenharia de cibersegurança e cientista de dados, por exemplo.

“Precisamos suprir o mercado de trabalho com profissionais capacitados em todos os segmentos que fazem uso de tecnologias, pois o ritmo de avanço está intenso. As instituições de ensino superior cumprem o papel de organizar a formação profissional para atender às novas demanda”, declara o reitor do Centro Universitário Internacional Uninter, Benhur Gaio.

O Grupo Uninter (www.uninter.com) está entre os maiores players do segmento educacional, e é a única instituição de ensino a distância do Brasil recredenciada com nota máxima pelo Ministério da Educação (MEC). Além disso, o centro universitário conquistou o conceito 4 no Índice Geral de Cursos (IGC), divulgado pelo MEC. O resultado aliado à nota máxima de seu programa de educação a distância (EAD), consolida a Uninter como a melhor instituição EAD no Brasil, à frente dos outros cinco maiores grupos educacionais que atuam na modalidade.

Sediado em Curitiba (PR), já formou mais de 500 mil alunos e, hoje, tem mais de 250 mil alunos ativos nos mais de 200 cursos ofertados entre graduação, pós-graduação, mestrado e extensão, nas modalidades presencial, semipresencial e a distância. Com polos de apoio presencial, estrategicamente localizados em todo o território brasileiro, mantém cinco campi no coração de Curitiba. São 2 mil funcionários trabalhando todos os dias para transformar a educação brasileira em realidade.

Fonte: Giulia El Halabi – Página 1 Comunicação | (GC)

 

Follow About Magazine on WordPress.com

Donation

Media support

For the good journalism

R$5,00

Sobre gcentenaro (832 artigos)
About Magazine's Publisher
%d blogueiros gostam disto: