Anúncios
News Ticker

Startup campineira é aprovada na Singularity University

Um relatório sobre a violência nas escolas feito pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) apontou que, globalmente, cerca de 150 milhões de estudantes já sofreram bullying no ambiente escolar. Foi diante desta realidade que nasceu a VOIX, uma startup que promete ajudar educadores a trabalharem temas sobre a aceitação da diversidade, como racismo, igualdade de gênero, religião e obesidade, por meio de um jogo físico que interage com um aplicativo que, por sua vez, possui um banco de dados com centenas de casos reais de preconceito.

Fundada em 2017 pelo cearense Marco Antônio Linhares e membro do CampinasTech, a empresa ingressa agora em nova etapa de consolidação: em janeiro, a VOIX foi aprovada no Global Startup Program da Singularity University, instituição criada pelo Google e pela Nasa, que é o sonho dos mais respeitados cientistas, professores e mentes criativas do mundo. Com um ano de duração, o programa tem como objetivo acelerar startups para criar modelos de negócio globais que resolvam grandes problemas da humanidade e, consequentemente, impactem 1 bilhão de pessoas.

“O programa será dividido em duas fases. Na primeira, o objetivo é repensarmos nosso negócio para que ele possa causar impacto global. Já a segunda fase, que acontecerá na sede da Singularity, no Vale do Silício, consistirá em um programa de aceleração, onde nos conectaremos com participantes e investidores do mundo todo”, conta Linhares. 

Segundo o executivo, o Global Startup Program é muito exclusivo. “Em dez anos de existência, menos de 700 pessoas participaram do programa. Vale ressaltar que as chances de sucesso de uma startup que passa por ele são altíssimas: 88% dos participantes continuam captando rodadas de investimento após finalizar o programa”, complementa.

Para viabilizar a ida à Singularity University, no entanto, a VOIX precisa pagar o valor de $30 mil USD.

“Estamos buscando empresas que queiram nos patrocinar e, além disso, também lançamos um financiamento coletivo para a captação de verba. O objetivo é levantarmos os fundos necessários para que a VOIX atinja sua missão, que é ser a maior comunidade de empoderamento social do planeta, tendo um modelo de referência para escolas de todo o mundo trabalharem temas sobre a aceitação da diversidade e reduzirem a incidência de bullying”, finaliza.

Para saber mais sobre a campanha, acesse:

https://www.kickante.com.br/campanhas/voix-na-singularity-university

Fonte: Letícia | Comunique-se | (GC)

 

Anúncios
Sobre gcentenaro (411 artigos)
About Magazine's Publisher
%d blogueiros gostam disto: